h1

A importância de ter opinião

24/07/2004

Uma das afirmações mais recorrentes no mundo de hoje é: “O importante é ter opinião própria”. Concordo plenamente e, graças a Deus, acho que tenho uma opinião formada sobre tudo, ao mesmo tempo que tenho capacidade de mudá-la quando uma reflexão, um segundo pensamento ou mesmo outra opinião me levar a isso.

Eu costumo dizer que sou um cara muito reflexivo. Penso, e muito, sobre tudo. Isto tem muito a ver com a minha paixão por História. É bem verdade que às vezes eu penso demais e ajo de menos, mas, ainda assim, gosto de entender as coisas. No que se refere a questões históricas, eu sempre procuro me aprofundar no contexto antes de “achar” isto ou aquilo.

Na música, talvez o artista que mais reflita este modo de pensar seja Gabriel o Pensador. Quem me conhece, aliás, sabe que sou muito fã dele. Me lembro quando ganhei o primeiro CD (que tinha “Retrato de um playboy, Lôraburra, Lavagem Cerebral, 175, etc.) num amigo secreto. Daí para frente, comprei todos. Já decorei, de tanto ouvir, quase todas as músicas, e admiro muito a inteligência dele para falar sobre tudo.

Suas músicas falam sobre tudo. “Masculinidade”, amizade, amor e mulheres. Preconceito sexual, social, racial, pobreza. Patriotismo, a favor e contra o governo, desemprego. Até mesmo sobre talento, sobre seu próprio talento, ele fala. Aos que dizem que suas músicas não são boas eu respondo com uma frase dele mesmo, presente na música “Como um Vício” do segundo CD (o menos conhecido): “eu não canto bem, não sou cantor sou compositor”.

E é isso que eu acho. Talvez algumas músicas – melodias – realmente não sejam boas. Entretanto, o que vale mesmo é a mensagem. Se você prestar atenção, sempre vai ter algo para se refletir.

O show dele é outra coisa muito legal. Sempre de bom humor, levanta a galera e mostra energia nas músicas, “interpretando” o que elas dizem. Nunca vou esquecer um show no Planeta Atlântida (aí por 1997, 1999) quando, na hora que o show dele começou, já era dia. Outro show muito legal, também num “Planeta” foi um que ele puxou o hino nacional, que foi cantado pelos 50 mil presentes. Este, infelizmente, eu só ouvi no rádio.

Em nenhuma letra ele tenta impor a opinião dele, ele apenas fala. Aliás, como ele mesmo diz: “Quem vai mudar a sua cabeça não sou eu, é você”.

Agradecimentos ao LFCorullón pelo logo produzido especialmente para este post

Anúncios

4 comentários

  1. Não tenho opinião própria, como diz a musica ” opinião formada sobre tudo” , Não seu construí argumentos sobre algum determinado assunto. Sou muito pobre em relação a isso.. Faltam-me palavras, toda vez que tento pensar ou falar sobre alguma coisa, da um braco, escuridão, rsrs sei lá, parece q todas as letrinhas q se formão palavras se somem. já ouviu algo mais bizarro q isso??? O que faço para q isso mude??? preciso muito ter, saber, construí minhas próprias opiniões….


    • Leia, meu caro.. leia muito!

      E, se quiser algumas opções, procure na categoria Literatura aqui do blog.

      Abraços, e obrigado pela audiência!


  2. Ola e muitooo bom estudar!!


  3. Leio os escritos atuais e depois leio ao acaso um antigo… rsrs… hoje li este e me lembrei que você num de nossos papos, que infelizmente aiii estão sem acontecer, me mandou links de músicas dele, e por sua causa eu descobri que estava perdendo e muito de ouvir as músicas dele… obrigada querido! beijos saudosos…



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: